O NATAL É VOCÊ

PROTETORA DOS OLHOS

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

O nascimento de Jesus, nosso Irmão e Salvador, prova de forma definitiva a bondade de Deus que não conhece confins e não discrimina ninguém, por isso, a festa de Natal é universal. É para todos. Para conhecer e vivenciar bem o Natal deste ano, leia esta significativa mensagem do papa Francisco:

“O NATAL costuma ser sempre uma ruidosa festa; entretanto, se faz necessário o silêncio, para que se consiga ouvir a voz do amor de Jesus. Natal é você, quando se dispõe, todos os dias, a renascer e deixar que Deus penetre em sua alma em sua vida e em sua família. O Natal é você, quando vive em paz consigo mesmo, com a família e com todas as pessoas.

O PINHEIRO de Natal é você, quando com sua força, resiste aos ventos e dificuldades da vida. Você é a decoração de Natal, quando suas virtudes são cores que enfeitam a vida. Você é o sino de Natal, quando chama, congrega, reúne. A luz do Natal é você, quando, com uma vida de bondade, paciência, alegria e generosidade consegue ser luz a iluminar o caminho dos outros. Você é o anjo do Natal quando consegue entoar e cantar sua mensagem de paz, de justiça e de solidariedade.

A ESTRELA-guia do Natal é você, quando consegue levar alguém, ao encontro de Jesus. Você será os Reis Magos quando consegue dar, de presente, o melhor de si, de seu trabalho e serviço a todos. A música de Natal é você, quando consegue comportar-se como verdadeiro amigo e irmão de qualquer ser humano.

O CARTÃO de Natal é você, quando a bondade está escrita no gesto de caridade, de suas mãos. Você será os “votos de Feliz Natal” quando perdoar, mesmo a custo de muitos sacrifícios. A ceia de Natal é você, quando sacia de pão e esperança, qualquer carente ao seu lado. Você é a noite de Natal quando consciente, humilde, longe de ruídos e de grandes celebrações, em silencio recebe o Salvador do Mundo, Jesus Cristo.

NA NOITE de Natal, contemplamos o presépio: nele, “o povo que andava nas trevas viu uma grande luz” (Is 9,1). Viram-na as pessoas simples, as pessoas dispostas a acolher Jesus. Pelo contrário, não a viram os arrogantes, os soberbos, aqueles que estabelecem leis seguindo critérios pessoais. Contemplemos o presépio e façamos este pedido à Virgem Mãe: “Ó Maria, mostrai-nos Jesus!” Com essa mensagem do Papa Francisco desejo a você, um abençoado Natal.

Dom Itamar Vian
Arcebispo Emérito
di.vianfs@ig.com.br