NÚMEROS DESTA SEGUNDA-FEIRA 17 de janeiro de 2022

Vacina contra a Covid-19 nas unidades de saúde nesta terça-feira

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Oitenta e sete casos positivos da Covid-19 em exames coletados em um mês

Exames da Covid-19 coletados entre os dias 11 de dezembro de 2021 e 14 de janeiro de 2022 que estavam aguardando resultado do laboratório, ou seja, mais de um mês, confirmaram 87 casos positivos nesta segunda-feira (17). A maioria é da rede privada que a Vigilância Epidemiológica aguardava a ficha de notificação para inserir no boletim.


O município voltou a confirmar mortes causadas pela doença depois de quatro dias, com um óbito registrado em 31 de dezembro de 2021. Apesar do crescimento nos casos, Feira de Santana apresenta poucos leitos ocupados, com nove pacientes internados tanto de enfermaria quanto de Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Mais de 49,2 mil pessoas estão recuperadas da doença, índice que representa 93,4%.

Relatório sobre Covid-19 em Feira de Santana
NÚMEROS DESTA SEGUNDA-FEIRA
17 de janeiro de 2022

Casos confirmados no dia: 87
Pacientes recuperados no dia: 0
Resultados negativos no dia: 213
Total de pacientes hospitalizados no município: 9
Óbito comunicado no dia: 1
Data do óbito: 31/12/2021

NÚMEROS TOTAIS

Total de pacientes ativos: 297 (Dados da Sesab)
Total de casos confirmados no município: 52.692 (Período de 06 de março de 2020 a 17 de janeiro de 2022)
Total de pacientes em isolamento domiciliar: 2.413
Total de recuperados no município: 49.247
Total de exames negativos: 88.400 (Período de 06 de março de 2020 a 17 de janeiro de 2022)
Aguardando resultado do exame: 420
Total de óbitos: 1.023

INFORMAÇÕES TESTES RÁPIDOS

Total de testes rápidos realizados: 26.223 (Período de 06 de março de 2020 a 17 de janeiro de 2022)
Resultado positivo: 5.144 (Período de 06 de março de 2020 a 17 de janeiro de 2022)
Em isolamento domiciliar: 0
Resultado negativo: 21.079 (Período de 06 de março de 2020 a 17 de janeiro de 2022)

O teste rápido isoladamente não confirma nem exclui completamente o diagnóstico para Covid-19, devendo ser usado como um teste para auxílio diagnóstico, conforme a nota técnica COE Saúde Nº 54 de 08 de abril de 2020 (atualizada em 04/06/20).