Feira de Santana Tempo
FEIRA DE SANTANA Tempo

Hospital de Campanha será desativado no fim do mês

Hospital de Campanha será desativado no fim do mês

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Unidade está com apenas um paciente na UTI e outro na enfermaria

O Hospital de Campanha de Feira de Santana vai encerrar as atividades no próximo dia 30, em decorrência da grande redução de internamentos por Covid-19. Nesta sexta-feira, 24, por exemplo, a unidade está com apenas um paciente na UTI e outro na enfermaria. O investimento da Prefeitura Municipal para manter o hospital é de cerca de R$ 3 milhões mensais.

“Até agora, em setembro, a UTI teve uma ocupação máxima de 60% e uma média de 30%. Na enfermaria, a média de ocupação foi de 30%”, explicou o diretor médico do hospital, Francisco Mota.   

O Hospital de Campanha de Feira de Santana começou a funcionar no dia 4 de junho de 2020, com 10 leitos de UTI e 50 de enfermaria, mas houve uma variação nesses números em razão de altos e baixos no volume de casos e internações. Logo em julho de 2020 foi ampliado, com a UTI passando para 18 leitos. A unidade chegou em setembro de 2021 com 10 leitos na UTI e 10 na enfermaria.   

“É um processo normal, em razão da vacinação e o declínio da pandemia. Em Salvador, o Hospital de Campanha da Fonte Nova já foi desativado. É claro que pacientes que ainda tenham necessidade de internamento não ficarão desassistidos. Vamos torcer para que não ocorra, mas se houver necessidade de retornar o atendimento mais numeroso, podem ter certeza que estaremos prontos para isso”, tranquiliza o prefeito Colbert Martins.  

“Se houver necessidade, reabriremos o Hospital de Campanha sem qualquer problema. A população pode ficar tranquila quanto a isso”, garante o secretário de Saúde, Marcelo Britto.   

Fonte:www.feiradesantana.ba.gov.br