Fiscalização vai intensificar combate à superlotação em bares e restaurantes

Fiscalização vai intensificar combate à superlotação em bares e restaurantes

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

A Fiscalização Preventiva Integrada (FPI) vai intensificar, no fim de semana, a proibição de festas e qualquer outro tipo de evento que promova aglomeração e favoreça a proliferação da Covid 19. Apesar da flexibilização do toque de recolher só a partir da meia-noite, não significa que as outras exigências do decreto municipal não sejam cumpridas.

A preocupação maior dos integrantes da FPI é com relação às festas e shows programados em alguns restaurantes e churrascarias. O decreto permite a apresentação de voz e violão, com apenas um músico, porém deve se obedecer a determinação de que só será permitida metade das mesas que em condições normais são disponibilizadas no estabelecimento e apenas quatro pessoas por mesa. 

A questão é que alguns restaurantes e bares estão desrespeitando a redução de 50% no número de mesas, aproveitando-se da liberação da apresentação musical. A mesma rigidez da FPI será aplicada para o uso de som mecânico.

O desrespeito ao decreto do Governo Municipal se caracteriza como crime e o infrator pode ser denunciado ao Ministério Público, com a infração devidamente formalizada. 

Fonte:www.feiradesantana.ba.gov.br

Foto:FPI