Disputa pela vice de ACM Neto inclui ‘guerra de cards’ entre partidos aliados

Disputa pela vice de ACM Neto inclui ‘guerra de cards’ entre partidos aliados

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Deputados federais Marcelo Nilo, Márcio Marinho e Adolfo Viana têm brigado pela vaga na chapa de ACM Neto

A briga pela vice na chapa de ACM Neto (UNIÃO) tem, incluído, uma verdadeira “guerra de cards” entre os cotados para a vaga. Em grupos de WhatsApp e nas redes sociais digitais, os aliados dos deputados federais Marcelo Nilo, Márcio Marinho, ambos do Republicanos, e Adolfo Viana, do PSDB, têm espelhado cards em que os associam aos pré-candidato a governador e ao Senado, João Leão (PP).

Nesta quinta-feira (14), o deputado estadual José de Arimateia (Republicanos) publicou no Instagram card em que, segundo ele, está “confirmado” Marinho como vice de ACM Neto, e escreveu: “A Bahia vai voltar a sorrir com esse time”. Após a repercussão, o aliado de Marinho apagou a publicação.

Apoiadores de Adolfo Viana também divulgaram cards em apoio ao tucano. Com receio de ficar sem a vice e perder sua reeleição a deputado, Viana fez questão de dizer na imprensa que tem trabalhado apenas para sua recondução ao mandato à Câmara federal. Aos interlocutores, o parlamentar, no entanto, tem dito que, se rolar o convite, ele aceitará ser postulante a vice-governador.

Já Nilo, além de os correligionários “viralizarem” cards em apoio a ele, tem feito nas mídias digitais um programa de bate-papo batizado “Vamos que vamos”.

Apesar da ansiedade dos aliados, Neto afirma que não há prazo para definir o seu candidato a vice-governador. “Não tenho prazo nem data marcada. Vou retomar a agenda de viagens com toda força. Essa é a minha prioridade agora”, disse ACM Neto.

Fonte:www.metro1.com.br