Conta de luz vai subir ainda mais, com reajuste das bandeiras tarifárias

Conta de luz vai subir ainda mais, com reajuste das bandeiras tarifárias

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Decisão acerca da sobretaxa será tomada nas próximas semanas. Uso de termelétricas pressiona tarifas, e custo maior da energia já causa rombo de R$ 1,5 bilhão

BRASÍLIA – A pior crise hídrica na região das hidrelétricas dos últimos 91 anos e o acionamento de usinas termelétricas para garantir o fornecimento de energia vão levar a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) a aumentar os valores das bandeiras tarifárias.

O patamar mais alto desse sistema, a bandeira vermelha 2,  deve subir mais de 20%. A conta das bandeiras já registra um rombo de R$ 1,5 bilhão neste ano.

Em entrevista ao GLOBO, o diretor-geral da Aneel, André Pepitone, disse que os valores ainda não foram definidos, mas a decisão será tomada nas próximas semanas.

A bandeira tarifária é um adicional cobrado nas contas de luz para cobrir o custo da geração de energia por termelétricas, o que ocorre quando o nível dos reservatórios das hidrelétricas está muito baixo.

Saiba mais sobre o reajuste das bandeiras e o impacto na conta de luz na reportagem do GLOBO exclusiva para assinantes.

Fonte:oglobo.globo.com

A usina hidrelétrica de Marimbondo está operando abaixo da capacidade por causa do período da estiagem Foto: Ferdinando Ramos / Agência O Globo