Aulas das escolas municipais começam na próxima segunda

Aulas das escolas municipais começam na próxima segunda

Compartilhe

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

Na próxima segunda-feira, 21, começam as aulas, de forma 100% presencial, nas Escolas Municipais. Foram matriculados 53.164 estudantes, entre novos alunos e renovações.

De acordo com o calendário letivo de 2022, aprovado pelo Conselho Municipal de Educação, os estudantes da Educação Municipal terão 200 dias letivos e 800 horas. As aulas seguem até o dia 26 de dezembro.

“Estamos retomando agora o ensino 100% presencial e o cumprimento de 200 dias letivos. É uma nova fase. Em 2021, vivenciamos inúmeros desafios, foram três momentos distintos para a Educação: ensino não presencial, híbrido e presencial. Nossa expectativa é que seja um ano bem avaliado em relação a aquisição de competências e habilidades para o estudante”, avalia a secretária de Educação, professora Anaci Paim.

O ano letivo será dividido em três trimestres: o primeiro de 21/03 a 21/06. O segundo de 04/07 a 23/09 e o terceiro de 26/09 a 26/12, cumprindo assim a carga horária exigida para a educação básica.

Preparativos para a volta às aulas

As 207 escolas da rede municipal estão nos preparativos finais para o retorno. As unidades de ensino passam por intervenções e manutenção na estrutura, como pintura, pequenos reparos e revisão elétrica e hidráulica.

Em breve, novas escolas serão entregues. E com a aprovação do orçamento de 2022 unidades escolares serão construídas ou passarão por reformas de grande porte (reconstrução). O Centro Municipal de Educação Inclusiva, localizado no antigo Feira Tênis Clube, também será inaugurado.

Além disso, a gestão escolar e professores das escolas municipais estão participando da Semana Pedagógica, entre 14 e 18/03. Formação destinada para a organização e orientações específicas sobre o ano letivo.

O quadro de funcionários da Educação também está aumentando. Na última quinta-feira, 17, mais seis professores foram empossados como docentes. O suporte pedagógico será fortalecido com a contratação de estagiários para auxiliar na Educação Infantil e Especial.

Através do programa Tempo de Aprender, os estudantes do 1º e 2º ano do Ensino Fundamental contarão com assistentes de alfabetização em sala de aula. O objetivo do projeto é qualificar o processo de ensino-aprendizagem dos alunos e acompanhar o rendimento das competências e habilidades compatíveis com cada ano escolar.

“São várias questões positivas que devemos implementar neste ano letivo, é um compromisso que temos com os alunos e a comunidade para promover uma educação de qualidade”, ressalta a secretária Anaci.

Fonte:www.feiradesantana.ba.gov.br